Como um cara que não bebe uísque ganhou o dia numa destilaria japonesa

Esta talvez não seja a melhor forma de começar um texto sobre o assunto mas é melhor deixar tudo às claras: detesto uísque. Podem chamar meu paladar de infantil mas acho o destilado forte e incômodo na boca. Acontece, porém, que sou curioso e isso explica o que me levou até a cidade de Hokuto, nas montanhas da província de Yamanashi, para visitar a destilaria que produz um dos uísques mais premiados do mundo, o Hakushu da japonesa Suntory. O Hakushu é um uísque single malt, de coloração levemente dourada, com teor alcóolico de 43%. O uísque é conhecido pelo aroma e pelo sabor que remetem ao frescor do verde das montanhas da região onde é fabricado. Ao paladar, o Hakushu traz notas cítricas

Belas Paisagens nas Montanhas da Província de Yamanashi

Tem dia que a única coisa que você quer é paz. Muita paz. É isso que você encontra em Shosenkyo, uma bela e profunda ravina na província de Yamanashi, a cerca de duas horas de Tóquio. A natureza luxuriante do local vem acompanhada de boa comida e do surpreendente doce que parece feito de água. Confira em mais uma dica de viagem da página do Facebook Direto do Japão. SERVIÇO Shosenkyo Como chegar? Embarque, em Shinjuku, no trem expresso até Kofu, capital da província de Yamanashi. Na estação de Kofu, uma linha de ônibus leva até o terminal Shosenkyo Taki Ue. Desça no ponto final. #Yamanashi #gastronomia #natureza

Tabe+: Restaurante peruano brilha em Tóquio

“Me dá uma razão para comer comida peruana no Japão!”, já me disseram. Eu daria várias já que a relativamente grande população de imigrantes peruanos por aqui traz consigo a chance de boas experiências gastronômicas. Mas, se é para dar uma só razão, ela seria o Bepocah. Vivendo uma fase de reconhecimento internacional, a culinária peruana chegou ao Japão com os imigrantes mas só ganhou relevância no cenário agitado da gastronomia toquiota graças a este restaurante localizado numa área menos movimentada do bairro mais pop de Tóquio, Harajuku. A cor amarela forte não é comum em construções japonesas e chama atenção a qualquer hora do dia. No entanto, o que se vê dentro do restaurante é o opost

Tabe+: Panqueca à japonesa? Não. Mas pode chamar de okonomiyaki

Sempre digo que o okonomiyaki é um prato japonês que os brasileiros deviam conhecer melhor. Trata-se de uma espécie de panqueca frita. À massa, que é feita de farinha de trigo, se acrescenta um monte de coisas: do essencial caldo feito de peixes e rico em umami ao macarrão sobá, se estamos falando do estilo consagrado em Hiroshima. Nessa mistureba está a raiz do nome do prato. ‘Okonomi’ quer dizer ‘ao seu gosto’. Ou seja, o okonomiyaki, em essência, leva o que achar que deve ter. (‘Yaki’, para saciar os curiosos, significa ‘fritura’ ou ‘grelhagem’.) O Kiji é um restaurante de okonomiyaki que surgiu em Osaka e, por isso, a maioria dos pratos segue o estilo servido é o da região, que não leva

O dia em que fui parar (nu) num banho misto de águas termais no Japão

Tem muita coisa bacana no Japão. Não é à toa que eu estou aqui há 12 anos. Mas não tem nada que eu goste mais do que um bom banho de águas termais. Como se sabe, o Japão é um país com alta atividade sísmica. É por isso que terremotos são constantes e, de tempos em tempos, grandes catástrofes chocam o mundo. Óbvio que isso assusta um pouco, apesar de sabermos que, se existe um país no mundo preparado para encarar grandes terremotos, esse país é o Japão. Além disso, pouca gente fala sobre o lado bom de ter o chão tremendo debaixo dos pés pelo menos umas três vezes por mês. É o calor gerado pela atividade sísmica que dá origem às águas termais. Não há lugar no arquipélago japonês onde não exist

Passeie pelo Hamana, um belo lago na província de Shizuoka

A província de Shizuoka fica a menos de duas horas de Tóquio e tem vários lugares muito populares entre os japoneses que querem fugir da loucura da grande cidade. O Lago Hamana fica na cidade de Hamamatsu, no extremo oeste da província, já quase na divisa com Aichi. O local é conhecido pelo encontro entre o mar e a montanha e, também, pelo unagi, espécie de enguia que é uma das iguarias prediletas dos japoneses. Conheça o Lago Hamana. #rotas #barato #vídeo #gastronomia #natureza #Shizuoka

Tabe+: Melhor hambúrguer de Tóquio?

Tóquio está vivendo uma febre de hamburguerias e os restaurantes estão fazendo de tudo para atrair a gente. O Burger Mania Ebisu aposta no principal: sabor. O principal, a carne, é macia e suculenta. Queijos e outros acompanhamentos básicos são de boníssima qualidade. Agora, a pira dos caras não tem limite. Mango Burger? Cherry Burger? Rosemary Lemon Burger? Não provamos! Mas há gente (e muita gente!) que garante que é maravilhoso. E vale ressaltar que não provamos os pratos mais loucos por uma razão que você vai ver no vídeo: o The Smoke Burger. O prato que só é servido depois das 4 da tarde é defumado. Veja bem: o prato, não a carne! O hambúrguer, as batatas, tudo... Achamos, honestamente,

Ônibus? Metrô? Conheça o Yutorito

O Japão é um dos países com rede de transporte público mais variada do mundo. Nas grandes cidades japonesas, é possível se locomover com facilidade e rapidez graças a uma extensa rede de trens, metrôs, ônibus e mais. Para que tudo funcione bem, também é preciso criatividade, como a gente pode ver no Yutorito, um sistema que mescla o melhor dos transportes ferroviários e rodoviários. Confira no vídeo. #transporte #vídeo #Nagoya

Tabe+: Prove o sanduíche com a carne mais cara do Japão

O wagyu é um estilo de carne marmorizada de altíssima qualidade produzido aqui no Japão. Com este ingrediente de altíssimo nível, o Wagyumafia the Cutlet Sandwich produz sanduíches simples mas muito saborosos. O Wagyu Fillet Sando, por exemplo, praticamente derrete na boca tamanha a maciez da carne. E não é exagero! O menu bem compacto não impede o restaurante de ter uma boa seleção de cervejas artesanais que acompanham muito bem os sanduíches. Sobre preços, não dá para enrolar. É caro. O wagyu é uma das carnes mais caras do mundo e o porquê você sabe aqui O sanduíche mais barato, feito como uma espécie de hambúrguer de aparas de carne sai por cerca de 10 dólares. Porém, um com as carnes de

Saquê Sem Mistérios

O saquê é a bebida alcóolica nacional do Japão. Em japonês, a palavra sake (酒) significa, simplesmente, bebida alcóolica. No Brasil, o que chamamos sake recebe o nome de nihon-shu (日本酒) aqui no Japão. Bem, já deu para ver que existem muitas coisas que o Brasil precisa descobrir sobre esta bebida feita de arroz e que, cada vez mais, está aparecendo nos bares e coquetéis brasileiros. Então, não fique por fora e acompanhe esse encontro que a Piti Koshimura do Peach No Japão fez com a sommelier de saquê Satoko Utsugi em Tóquio. E você vai ver que pode curtir, sem mistérios, a bebida aqui no Japão. Confira o vídeo. #Tabe #vídeo #gastronomia #Tóquio

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Instagram Social Icon
  • Twitter Basic Square
  • YouTube Social  Icon
RSS Feed
© 2017 por Tabiji/Roberto Maxwell. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por